Qual a diferença entre certificação compulsória e voluntária? Quem precisa atender uma e outra.

Conectados, 

Este texto é para esclarecer sobre os tipos de certificação e como ela se aplica nas industrias dos mais diversos produtos.

Qual a diferença entre certificação compulsória e voluntária?

  1. A certificação compulsória: é regulamentada por lei ou portaria o objetivo é regular a fabricação de um item levando em consideração questões de saúde, segurança e meio ambiente. O INMETRO hoje é responsável por fiscalizar as empresas no cumprimento dessas leis ou portarias.

Normalmente ela tem como base controle de produção baseados em requisitos ISO9001 de fabricação.

Então entre tantos produtos vou usar esse exemplo da foto:

Um selo de energia fixado em produtos como a geladeira.

Note que ao lado direito e abaixo da imagem está estampado a logo do INMETRO isso significa que o produto foi submetido a testes laboratoriais e atende aos requisitos definidos em portaria para ser comercializado no mercado em geral.

Após um auditoria e testes laboratoriais a empresa recebeu a concessão do uso do selo e posterior vender seu produto no mercado.

Então, toda vez que você encontrar um produto com este selo saiba ele antes de chegar a sua mão foi submetidos a testes e está em conformidade com requisitos mínimos de segurança e ambientais.

A empresa é obrigada a atender a legislação, justamente para no caso de fiscalização ela não seja autuada conforme legislação do código de defesa do consumidor.

São muitos os produtos que precisam dessa certificação clique no link e confiram os produtos:

http://www.inmetro.gov.br/qualidade/rtepac/compulsorios.asp

2.     A certificação voluntária: não possui qualquer regulamentação de órgão oficial ou seja legislado, é uma decisão exclusiva da empresa que fabrica o produto ou fornece o serviço com objetivo de garantir a conformidade de processos, produtos e serviços por exemplo,  a ISO9001 que via de regra é a norma base para iniciar um sistema de gestão de qualidade.

Figura: Modelo de Empresa certificada que demonstra aos seus clientes uma preocupação em superar as expectativas dos clientes.

3 – As duas juntas: Não Compulsória e Compulsória. 

Quando uma empresa precisa atender a uma certificação compulsória ela automaticamente atende boa parte dos requisitos ISO9001 ou seja, os responsáveis pela elaboração da legislação ou portaria  buscaram como forma de não re-inventar a roda   usar critérios que dão certo como a ISO vem comprovando resultados de excelência  na gestão das  industrias no Brasil e no mundo.

Então   as empresas optam por fazer as duas certificação implantam a ISO9001 e dentro dela atendem a legislação ou portaria aplicável ao processo apenas inserindo os requisitos específicos de portaria.

Espero que vc´s tenham gostado desse artigo.

Se sua empresa precisa de consultoria em implantação de requisitos ISO ou certificação de produto ou os dois juntos. Entrem em contato contamos com experiência nas prestação de serviço das duas atividades implantação, auditoria, treinamento e manutenção de Sistemas de Gestão da Qualidade e Certificação de Produto.

 

Contrate a SantaISO sua empresa integrada com a qualidade!

Diana Candida

comercial@consultoriasantaiso.com.br

11-2375-1828

11-96577-5669

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: